Visitantes são detidas com drogas ao tentar entrar no Cadeião Público de Areia Branca

Prisão ocorreu na manhã desta sexta-feira, 20. Entorpecentes foram detectados pelos policiais penais por meio do aparelho body scan

Policiais penais lotados no Cadeião Público de Areia Branca (CPAB) efetuaram, na manhã desta sexta-feira, 20, a prisão em flagrante de duas mulheres que tentavam entrar na unidade prisional em posse de substâncias análogas à maconha e cocaína, embaladas em papelotes. Os entorpecentes foram detectados pelo body scan, um scanner corporal que possibilita a identificação de objetos ocultos sob as roupas ou até mesmo, dentro do organismo humano.

De acordo com o diretor do CPAB, Sérgio Varjão, o flagrante ocorreu no momento em que as mulheres se preparavam para a visita dos internos.

“Ao passarem pelo equipamento digital, nossos policiais verificaram a presença de corpos estranhos. Ao serem indagadas, as duas jovens confessaram que estavam em posse do material ilícito”, explica.

Com uma das jovens, de 24 anos, foram apreendidos 24g de substância análoga à cocaína e 8g de maconha; já com a outra, de 23 anos, foram localizados 25g de maconha.

Diante do exposto, a dupla e os materiais apreendidos foram levados para a Delegacia local, para a lavratura do flagrante e posterior adoção das medidas legais.

Última atualização: 23 de outubro de 2023 08:38.

Pular para o conteúdo