Secretários de Justiça deliberam por solicitação conjunta de inclusão dos policiais penais no grupo prioritário da imunização contra Covid-19

Com intermédio do Depen, será feita solicitação formal, ao Ministério da Saúde, para inserção dos servidores no grupo das forças de segurança

Em reunião do Conselho Nacional de Secretários de Justiça (Consej) realizada na última sexta-feira, 9, foi definido mais um passo para inserir os policiais penais no grupo prioritário da campanha de imunização contra a Covid-19 no Brasil. Na reunião, ficou acertado que o conselho, junto ao Departamento do Sistema Prisional (Depen), emitirá carta ao Ministério da Saúde solicitando a retificação da Nota Técnica 297/2021, para a inclusão dos servidores do sistema prisional no grupo dos profissionais de segurança pública.

A Secretaria da Justiça, do Trabalho e da Defesa do Consumidor (Sejuc) esteve presente na reunião por meio do secretário, Cristiano Barreto, e do secretário-executivo, coronel Reinaldo Chaves. Inicialmente, de acordo com o secretário, havia a propositura de manifestação pontual, por parte do Consej, apenas nos estados que não estavam vacinando com base na Nota Técnica. Mas, foi definida a unificação do conselho e a manifestação geral em prol da vacinação dos policiais penais em todas as unidades da federação.

“Nós temos que ter uma voz forte. Temos que ter medidas que abranjam todos os estados. Há unidades da federação que começaram a imunização. O Poder Executivo aceitou, mas teve que parar por determinação do Ministério Público tanto Federal, quanto Estadual. O que adianta termos situações tratadas dessa forma num caso tão grave, que só vai trazer para nós, que estamos à frente da gestão do sistema prisional, um desgaste com a nossa própria categoria”, enfatizou Cristiano Barreto.

Nesse sentido, a reunião do Consej deliberou pelo envio de carta ao Ministério da Saúde solicitando a inclusão dos policiais penais no grupo prioritário da imunização contra a Covid-19, tendo em vista que os servidores são reconhecidos como integrantes das forças de segurança pública no Brasil. A solicitação das secretarias estaduais será intermediada pelo Depen.

Última atualização: 12 de abril de 2021 08:46.

Pular para o conteúdo