Polícia Penal de Sergipe ministra curso sobre custódia para agentes da Polícia Civil

Na última semana, a Polícia Penal de Sergipe promoveu um curso cujo objetivo foi capacitar os policiais civis das delegacias que custodiam presos a intervir em motins e rebeliões, como também a utilizar de forma correta os equipamentos menos letais. Na oportunidade, foram ministradas as disciplinas de algemação; tecnologias menos letais; uso diferenciado da força; armamento e tiro e intervenção prisional.

A ideia da atividade surgiu após a Polícia Civil identificar a necessidade de atualização acerca do tema e entrar em contato com a direção do Departamento do Sistema Penitenciário de Sergipe (Desipe), que autorizou a diretora da Escola de Gestão Penitenciária, Andrea Fernanda, a formular o curso. Toda ação contou com apoio da Secretaria da Justiça, do Trabalho e da Defesa do Consumidor (Sejuc).

Inicialmente, foram duas turmas com oito policiais em cada uma, de modo que os instrutores e policiais penais, Carlos Cruz e Shelton Silva, conseguiram passar as técnicas de maneira detalhada, observando atentamente cada aluno e dirimindo possíveis dúvidas. Ambos possuem cursos de Intervenção Prisional realizados em Brasília (DF).

Segundo Shelton Silva, que além do Curso de Intervenção também realizou o Curso de Operações Especiais no Rio de Janeiro, os alunos estavam verdadeiramente empolgados e participativos, além de elogiarem bastante o curso e pedirem mais atividades como essa. O policial civil Joseval Bispo Guimarães foi um dos participantes e está na expectativa para participar dos próximos encontros.

“Participei do curso com intuito de aprimorar e adquirir mais conhecimentos. Aprendi técnicas que sem dúvidas vão melhorar muito minha rotina profissional e passarei a implementá-las. Achei espetacular e participarei dos próximos sem dúvidas”, finaliza o policial Joseval Bispo.

Última atualização: 22 de fevereiro de 2022 07:20.

Pular para o conteúdo