Mulher é presa por tentar entrar na Cadeia Pública de Areia Branca com 29 cigarros de maconha

Uma mulher foi presa pela Polícia Penal ao tentar levar 29 cigarros de substância semelhante à maconha para o irmão que está custodiado na Cadeia Pública de Areia Branca. O flagrante ocorreu durante o momento de visitas e foi diagnosticado pelo aparelho bodyscan.

Na ação, ao ser submetida ao aparelho bodyscan, o equipamento sinalizou que havia algo anormal. Imediatamente, uma policial penal feminina encaminhou a mulher para uma sala apropriada e realizou uma visita manual minuciosa, quando encontrou um volume estranho na calça da suspeita que, quando confrontada, assumiu que portava cigarros de maconha.

A própria visitante fez a retirada e a equipe de policiais penais contabilizaram 29 cigarros de substância semelhante à maconha. Eles desfizeram os invólucros e pesaram o material, que totalizou 29 gramas.

Após todos os trâmites internos necessários, a mulher foi encaminhada para a delegacia competente, onde ficou a disposição do poder judiciário.

Última atualização: 8 de junho de 2022 15:09.

Pular para o conteúdo